EKG-procedure.m2ts.Still001

ECG: como posicionar corretamente os eletrodos?

Verde. Vermelho. Amarelo. Preto.

Gia é uma enfermeira recém-graduada e sempre foi fascinada pelo ECG. Ela acha incrível como após apenas alguns cliques você começa a ver a atividade elétrica do coração e, com apenas um toque no botão, você pode imprimir e depois guardar para documentação e referência futura.

No entanto, há um problema. Gia sempre se confunde ao colocar todas essas derivações de cores diferentes sobre o peito do paciente. Isso a incomoda muito e ela pensa consigo mesma: “Como é que vou ser uma boa enfermeira se mesmo algo tão simples como a colocação dos eletrodos pode parecer tão complicado para mim? Como eu vou fazer isso em situações de emergência? Tenho medo de me atrapalhar. “

Calma!

Fonte: ADClinic.com

Como posicionar eletrodos de ECG como um expert

Imagine um cenário de emergência em que um paciente com suspeita de problemas cardíacos é levado às pressas ao pronto-socorro. Todo mundo está em pânico, a sala de emergência está cheia de pacientes. Como o paciente se queixa de dores no peito, o residente de plantão pede um ECG de 12 derivações para fazer agora mesmo. Você é o único profissional de enfermagem disponível, uma vez que todos os outros colegas estão ocupados demais com outros pacientes. Você pega a máquina de ECG (eletrocardiógrafo é o nome correto, OK?) e olha para as diferentes cores que estão ali sua na frente. Como você vai fazer isso? Qual é a maneira mais fácil de lembrar-se de posicionar os cabos corretamente?

Para um ECG de 12 derivações, existem 10 fios em uma máquina de ECG que estão ligados a partes específicas do corpo, especificamente, 6 eletrodos no peito (denominados eletrodos precordiais) e quatro eletrodos nos membros (os chamados eletrodos periféricos).

Estes 6 eletrodos torácicos são denominados eletrodos V e são numerados de V1-V6. Tais eletrodos devem estar posicionados em posições específicas na caixa torácica.

V1 deve ser posicionado no quarto espaço intercostal, na margem direita do esterno.

V2 deve para ser colocado no quarto espaço intercostal, à esquerda do esterno.

V3 deve ser posicionado entre V2 e V4.

V4 deve ser então posicionado no 5º espaço intercostal, na linha hemiclavicular.

V5 na linha axilar anterior, no mesmo nível que V4.

Por último, V6 é deve ser colocado na linha axilar média, ao mesmo nível que V4 e V5.

Fonte: CardiopapersOutra maneira de posicionar com precisão os eletrodos é primeiro identificar o “ângulo de Louis”, ou “ângulo esternal”, que pode ser encontrado quando você coloca os dedos suavemente na base de sua garganta em uma posição central e, movendo os dedos para baixo, pode sentir a parte superior do esterno. Em seguida, continue a mover os dedos para baixo até sentir um nódulo ósseo, que é o “ângulo de Louis”.

A partir de então, mova os dedos para a direita e você vai sentir uma diferença entre as costelas. Essa lacuna é o 2º espaço intercostal. A partir desta posição, passe os dedos para baixo em toda a próxima costela (3º espaço intercostal logo abaixo). Passe para a próxima costela e mova os dedos para o espaço abaixo dela. O espaço no qual que você está é o 4º espaço intercostal. No ponto onde este espaço encontra o esterno é a posição de V1.

Faça novamente estes movimentos, mas desta vez para a esquerda. Onde este espaço encontra o esterno (no 4º espaço intercostal) é a posição de V2.

A partir desta posição, deslize os dedos para baixo ao longo da próxima costela e você estará no 5º espaço intercostal. Olhe para o tórax do paciente e identifique a clavícula esquerda. A posição para V4 está no 5º espaço intercostal, na linha do meio da clavícula (linha clavicular média).

V3 fica a meio caminho entre V2 e V4.

Siga o 5º espaço intercostal à esquerda até que seus dedos estejam imediatamente abaixo do início da axila, onde você vai posicionar V5.

Siga esta linha do 5º espaço intercostal um pouco mais até que você esteja imediatamente abaixo do ponto central da axila esquerda, (linha axilar média). Esta é a posição para a V6.

Para as conexões periféricas, os eletrodos RA (braço direito – VERMELHO) e LA (braço esquerdo – AMARELO) devem ser colocados em qualquer lugar entre o punho e o cotovelo. Os eletrodos RL (perna direita – PRETO) e LL (perna esquerda – VERDE) devem ser posicionados em qualquer lugar acima do tornozelo e abaixo do torso.

Fonte: MD Saúde

Para ajudá-lo a lembrar-se isso facilmente, imagine que o paciente é brasileiro e torce para o Flamengo: a bandeira do Flamengo ocupa o lado direito do paciente e a bandeira da seleção brasileira ocupa o lado esquerdo do corpo do paciente, com as cores mais claras sempre na parte de cima.

Fonte: CAEP Campinas

É muito importante que as derivações sejam posicionadas corretamente, tendo em vista que a colocação incorreta pode levar a um falso diagnóstico de infarto ou alterações negativas no ECG. No entanto, esta tarefa não deve ser uma questão complicada quando se sabe a técnica para se lembrar facilmente.

Então, agora que você sabe como, vá em frente com confiança e posicione os eletrodos para o ECG como um expert!

 
 

Fonte: NursingCrib

Siga-nos no Bloglovin’

14 opiniões sobre “ECG: como posicionar corretamente os eletrodos?”

    1. Olá, Claudia!

      Fico feliz que você tenha gostado do blog! A nossa proposta é divulgar conhecimento e ajudar no processo constante de educação e aperfeiçoamento.

      Muito obrigado pela sua contribuição e comentário!
      Continue acompanhando as novidades do blog!

      Curtir

  1. Sou dextrocardíaca com situs inversus totalis. Já me deparei com diversos profissionais que ficam em dúvida ou mesmo não sabem a maneira correta de posicionar os eletrodos para um ECG. Um médico já me explicou que os eletrodos tem que ser todos invertidos. Em outras situações já me colocaram os eletrodos da forma convencional. Qual é o correto para se ter um resultado confiável?

    Curtir

  2. OLA ENTAO ESTOU EM UMA CLINICA E ME PASSARAM PARA POSICIONA EM CIMA DA AUREULA DO PEITO O UME O DOIS
    MAS TA RUIM
    ESSE PROCEDIMENTO AI EO CORRETO E POSSO USAR PARA TRACAR ECG OCUPACIONAL

    Curtir

  3. Olá bom dia é com muita alegria que venho agradecer a vcs por nós dar orientações sobre esse assunto com muita clareza sou estudante de enfermagem e não conseguia entender,mas através dessa fantástica aula tenho certeza que vou melhorar ainda mas os meus estudos OBRIGADO

    Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s